quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Sobre o II Seminário Integrado “Pentecostais, Teologia e Ciências da Religião” acontecido em 27 e 28 de Agosto de 2015

Aconteceu nos dias 27 e 28 de Agosto de 2015 o II Seminário "Pentecostais, teologia e ciências da religião na Universidade Metodista de São Paulo. Uma parceria entre o PPG em Ciências da Religião da UMESP e do Grupo de Estudos de Protestantismo e Pentecostalismo da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC.
O evento contou com a participação do Professor Kenneth Archer (Southestern University - EUA), teólogo pentecostal  destacado nos estudos sobre hermenêutica pentecostal. E do professor Ricardo Waldrop (Seminário Pentecostal SemiSud - Equador) docente de missiologia.
Os grupos de trabalho que acrescentaram para o evento foram: Pentecostais, pesquisas, história e educação; Pentecostais, pesquisas, hermenêuticas e teologias; e Pentecostais, pesquisas, sociedade e cultura.
Nós do Grupo de Estudo de Gênero e Religião Mandrágora/NETMAL estávamos presentes na pessoa da discente Valéria Vieira no GT 03- Pentecostais, pesquisas, sociedade e cultura com o tema:

Ministério Pastoral Feminino. Anany Miranda, anônima? Não mais. Um
Breve Relato sobre a Fundadora da Igreja Evangélica Missão Nacional

Resumo:

O contexto pentecostal é inovador, muitas são as contribuições para o cristianismo vindos desse movimento, ministério esse que faz parte da vida cotidiana de milhões de brasileiros e brasileiras. O pentecostalismo e o neopentecostalismo são os grupos religiosos que apresentam maior presença e participação feminina em suas igrejas, não é necessário sair de sua congregação para compreender essa afirmação. Porém, mesmo estando em maior número, as mulheres não têm encontrado espaço para diálogos que promovam sua presença em lugares de poder eclesiástico como, por exemplo, o ministério pastoral. Mas, subvertendo essa realidade, durante uma entrevista com uma pastora batista para minha dissertação de mestrado, ouvi sobre uma pastora pentecostal que é presidente da Igreja Evangélica Missão Nacional, uma denominação com 32 congregações. Seu nome, Anany Miranda, esse sobrenome lhe parece comum? Sim, uma das irmãs do falecido missionário David Miranda fundador da Igreja Pentecostal Deus é Amor. Ambos com o mesmo ministério, mas apenas um é conhecido. Na tentativa de tirar essa história de um anonimato acadêmico, pretendo apresentar um breve relato concedido pela fundadora da Igreja Evangélica Missão Nacional, Anany Miranda.

Palavras-chave: Ministério Pastoral Feminino – Anany Miranda – Igreja Evangélica
Missão Nacional – Pentecostalismo.

Para contato ou mais informações sobre o trabalho:
Valéria Vieira de Souza Ferreira
Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião da Universidade Metodista de
São Paulo. Participante do Grupo de Estudos de Gênero e Religião Mandrágora-Netmal. E-mail:
vvs.sport@gmail.com

Nenhum comentário: